11 outubro 2016

Sobre a grande diferença de votos entre Rogério e Humberto, ex-prefeito Euvaldo diz: “Um recado que a população mandou”

Nesta segunda feira (10), o ex-prefeito de Santo Antônio de Jesus, Dr. Euvaldo Rosa (PSB), entrevistado pela Andaiá FM, expõe o que espera do Governo Municipal que terá início em janeiro de 2017 e a possibilidade de se tornar deputado estadual. Dr. Euvaldo ainda comentou sobre: a lição das urnas, transição política de Rogério Andrade (PSD) e Humberto Leite (DEM) e se há alguma participação dele na nova gestão.
Confira abaixo a entrevista:
Radialista– Primeiramente, comente sobre o recado das urnas, a lição e o resultado. O senhor esperava essa diferença tão grande de votação do primeiro ao segundo colocado?
Euvaldo Rosa – Foi montado um grupo, e depois discutido entre os grupos políticos, que voltou a sua composição original, juntamente com Dalva Mercês, e todo o resto do pessoal, nós tínhamos muita esperança na vitória desse projeto que se concretizou. Essa vitória de Rogério Andrade (PSD) foi muito maior, inclusive, maior que a nossa própria expectativa. Isso é um recado que a população mandou, que não estava satisfeita com o projeto político que ainda está vigente no município, é esse o recado das urnas.
Radialista – Se o atual prefeito pedisse ao Dr. Euvaldo Rosa um conselho ou uma orientação, para o fechamento e entrega da gestão. O que o senhor diria?
Euvaldo Rosa – Eu não tenho nada contra o atual prefeito Humberto Leite (DEM), sempre o tratei com muito respeito e consideração. No entanto, foi no seu projeto político que eu nunca acreditei, sempre tive um outro projeto contrário por não achar que esse era o ideal para a população santoantoniense. Eu passei por essa experiência, o nível de pressão e cobrança em cima do prefeito é muito grande, o importante agora é ter pulso, para manter os recursos fundamentais como saúde, serviços de limpeza urbana, servidores, Previdência Social, eleger o que é mais importante.
Radialista – O senhor que já participou desta mudança, o que acontece nesse processo de transição?
Euvaldo Rosa – Humberto sai com sua equipe e o importante é que se tenha uma boa relação e uma transição pacifica juntamente com Rogerio Andrade para que os serviços essenciais não sejam descontinuados. Por exemplo: o novo prefeito toma seu posto em janeiro, e em fevereiro as aulas retornam, nesse tempo já deve haver uma reforma das unidades escolares para a chegada dos novos estudantes.
Radialista – O senhor teve um papel muito importante para a realização da vitória dessa nova gestão, e essa união foi o que fortaleceu a chapa, no que resultou na vitória. Qual seria a participação de Euvaldo Rosa na gestão de Rogério Andrade?
Euvaldo Rosa – Meu papel é de estar junto e ajudar, mas não diretamente, esse não é meu objetivo. A nossa participação é de alguém que pode a qualquer momento dar um conselho, participar de uma conversa. Sou um torcedor, para que essa gestão dê certo. Não houve nenhum acordo em relação a indicações de secretarias. Vai administrar quem ajudou na campanha, é evidente que se deve ter um cuidado, para que as pessoas que vão administrar tenham a capacidade de tocar a suas áreas de maneira adequada. Santo Antônio de Jesus precisa voltar aos jornais com notícias positivas e para isso necessita de uma boa equipe.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...