20 agosto 2015

Sargento Vinicius rebate Chispita: “Nenhum vereador deve ser refém do prefeito a não ser que este esteja recebendo propina”


As definições de coligações para as eleições de 2016 nem começaram e já existe um racha na política santoantoniense. Divergência entre membros que fazem parte da bancada de apoio ao prefeito Humberto Leite (PDT) tem surgido desde que se foi anunciado uma possível pré-candidatura do Deputado Rogério Andrade (PSD), além de descontentamentos com atitudes da administração. O último bate-boca está sendo protagonizado pelos vereadores Sargento Vinicius (PSD) e Marcos Chispita (PSD), ambos pertencem ao mesmo partido de Andrade.
Sargento Vinícius rebate Chispita: Muniz por sua vez declarou que os membros da bancada devem definir de que lado está, “ou permanecem do lado do prefeito ou são oposição”, disse em entrevista a uma rádio local. Para Vinicius, o vereador Marcos Chispita tem desempenhado um papel que não é seu, o de líder de grupo e acredita que qualquer um pode representar o grupo bem melhor como citou os vereadores Albino Martins e Dr. Francisco Freire, “não reconhecemos a figura de Chispita como líder da bancada e já está na hora de alguém reto, capaz, integro e acima de tudo coerente, assumir esta liderança e estas qualidades é o que falta neste cidadão”, afirmou em entrevista recente. Segundo Vinicius, Freire (PRP) tem um equilíbrio político e emocional que o garantem como cabeça de área, “Dr. Francisco Freire poderia nos representar por ser uma pessoa com equilíbrio político e emocional e acredito que ele não esteja satisfeito com Humberto Leite”, disse. O sargento ratificou a afirmativa do colega onde disse que os vereadores dependem do prefeito, “em suas declarações há um equivoco. Não somos nós, vereadores, que dependemos do executivo. É o prefeito que depende do legislativo para trabalhar e não é o inverso. Nenhum vereador deve ser refém do prefeito a não ser que este esteja recebendo propina”, concluiu.

Só 102 pessoas saem às ruas em Salvador para defender Dilma


Os protestos em defesa do governo Dilma Rousseff acontecem nesta quinta-feira (20/8) em diversas cidades em resposta as manifestações do último domingo (16/08). Em Salvador, o ato oficial está marcado para acontecer às 14h, na Praça da Piedade até o Campo Grande. No entanto, na manhã desta quinta-feira a Central Única dos Trabalhadores (CUT), militantes do partido e outras entidades conseguiram reunir 102 pessoas, que saíram da região do Shopping da Bahia (antigo Iguatemi), por volta das 10h30 e seguiram até a Federação das Indústrias do Estado da Bahia (Fieb), no bairro do Stiep, por uma das vias mais movimentadas da cidade, a Avenida Tancredo Neves. Por causa do protesto, o trânsito ficou bastante lento em toda a região. (Tribuna da Bahia)

17 agosto 2015

Cardiologista fala sobre Choque hipovolêmico


O choque hipovolêmico é caracterizado pela perda de grandes quantidades de sangue e líquidos, o que pode levar à morte em poucos minutos. Uma das causas do choque hipovolêmico é a hemorragia, mas, outras situações, aparentemente menos graves, também podem gerar este tipo de choque. Para o seu tratamento, recomenda-se a reposição de líquidos (soro, sangue) o mais rápido possível.
Causas: O choque hipovolêmico também pode ser causado por perdas de líquidos, como vômitos intensos, em caso de acidentes, cólera e forte diarreia, em casos de inflamações.
Tratamento: O tratamento para o choque hipovolêmico é feito através da transfusão sanguínea e /ou administração de soro na veia, sendo fundamental parar a causa do sangramento, ou a situação que leva à perda de líquidos. A morte causada pelo choque hipovolêmico só ocorre se a quantidade de sangue e líquido perdida corresponder a 1/5 do volume total da quantidade de sangue de um ser humano, o que significa, aproximadamente, 1 litro de sangue. Leia mais em  www.euvaldorosa.com.br

13 agosto 2015

De olho em 2016: Quem é quem na política de Santo Antônio de Jesus? Exonerações e nomeações à vista!


De olho em 2016 a política de Santo Antônio Jesus vem tomando novos rumos para as eleições a prefeito no município. Leia abaixo os novos assuntos que vem se apresentando:
1. Na semana passada a oposição a administração do prefeito Humberto Leite (PDT) que vinha se mantendo calada, iniciou uma série de atividades visando à eleição municipal. Houve um encontro do ex-prefeito Euvaldo Rosa (sem partido); Dalva Mercês (PSB); Leonel Cafezeiro (PP), do advogado Hernani Mercês e os vereadores: Délcio Mascarenhas (PP), Antônio Nogueira, o Tom (PSB); Valdemar Farias, o popular Dema do Leite (PP) e Maria de Fátima, a Fatima do Bemfica (PP) com o prefeito de Salvador ACM Neto onde foram tratadas as questões partidárias e a sucessão de 2016.
2. O ex-prefeito concedeu entrevista e deixou claro que a oposição tem sua agenda própria e que estar trabalhando na construção de uma candidatura. Euvaldo quando questionado sobre uma provável composição com o deputado estadual Rogerio Andrade disse que é possível, contanto que o deputado se afaste politicamente do grupo do prefeito Humberto Leite.
3. No domingo pela manha houve uma conversa entre Rogerio e o ex-prefeito Euvaldo. "Coincidentemente" na sessão da Câmara na última segunda-feira (10), houve um alinhamento muito claro dos vereadores ligados ao deputado Rogerio Andrade: Cristiano Sena (PT), Sargento Vinicius (PSD), Gilson Bastos (PSD) e Albino Martins (PSDB), formada com os edis da bancada de oposição ao prefeito municipal: Tom, Uberdan Cardoso (PT), Fatima do Bemfica e Dema do Leite. Esse alinhamento do grupo de oposição com o grupo de Rogerio permitiu a aprovação da convocação da secretaria municipal de saúde Laurijane Mercês para comparecer à Casa Legislativa.
4. Humberto Leite contra atacou marcando para a próxima sexta-feira (14), um evento de filiação ao seu partido PDT. Ao que parece, este acontecimento tem como objetivo estabelecer um divisor de águas de quem estar e quem não estarem em alinhamento com o prefeito. Isto consequentemente irá nortear as exonerações e as nomeações na semana que vêm dentro da administração.
  1. Teodoro ligado ao deputado Rogério é exonerado do cargo no município
5. Outra ação de Humberto é o de fortalecer a sua base na Câmara. A senha agora é “prestigiar” os vereadores: o presidente Luiz Santos, popular Luiz do Alto (PP), Marcos Muniz, o conhecido Chispita (PSD), Francisco Damasceno, Chico de Dega (PDT), Hélio Silva, popular Hélio da Saúde (PP) e Dr. Francisco Freire (PRP). Essa ação já teve inicio com a exoneração de José Teodoro Santana nesta quarta-feira (12), do cargo de subgerente de finanças da Secretaria de Educação municipal. Teodoro que há pouco menos de um mês recepcionava a comitiva do prefeito Humberto com um café da manhã em sua casa e é uma pessoa muito ligada ao deputado Rogerio Andrade. Com o seu afastamento da subgerência, foi nomeado para o seu lugar: Diego Macedo Santos, filho adotivo do presidente da Câmara, Luiz do Alto.
6. Fontes ligadas à administração municipal nos informaram que após o evento de filiação partidária da sexta-feira deverá ocorrer outras novas exonerações de pessoas ligadas ao deputado Rogerio Andrade e ao vice-prefeito Faustino Cunha (PSD) e novas nomeações vinculadas aos vereadores Chico de Dega, Luiz do Alto, Chispita, Hélio da Saúde e Dr. Francisco devem advir.

12 agosto 2015

Rogério Andrade manda recado para prefeito de S. A. de Jesus: “Pode demitir qualquer um que entenda que foi indicado por mim”

No meio de tantas incertezas e suposições nas definições quanto à conjuntura política de Santo Antônio de Jesus o deputado Rogério Andrade (PSD) em entrevista com a rádio Andaiá quebra o silêncio e fala sobre seu posicionamento frente às últimas movimentações políticas da cidade. Incialmente o deputado ressaltou sendo incisivo nas suas colocações a respeito de uma notícia que teve conhecimento e que lhe causou muito aborrecimento tendo em vista o perfil assumido pelo mesmo quanto a sua postura enquanto legislador. O deputado declarou que ainda não há preocupação quanto a política de 2016, pois ainda está no ano de 2015 e entende que por ser um parlamentar que teve uma expressiva votação na Bahia e na cidade é necessário se preocupar com seu mandato e suas obrigações. “Sou um deputado e um homem público extremamente focado, tem problemas na saúde, na educação, segurança pública e estradas, a população já passa por dificuldades demais para esquecermos  disso e ficarmos pensando em eleição de 2016”, afirmou.
Sobre os cargos na Prefeitura: Rogério também se posicionou frente às especulações quanto a possível ruptura do gestor municipal com sua base aliada. “Não sei o que passa na cabeça do prefeito diante de tantas especulações, aproveito os comentários e informações proferidas nos meios de comunicação, para dizer ao povo da cidade que eu não tenho cargos na prefeitura, acredito que o prefeito tem conduzido esse processo com muita tranquilidade e pode ficar extremamente a vontade para demitir qualquer um que seja ligado a mim na gestão municipal”, alertou. E aproveitou o momento para citar somente duas pessoas que segundo ele assumiram cargos na prefeitura através de sua solicitação, o empresário Alder que foi nomeado recentemente e Teodoro que também já era da vontade do próprio gestor. “Não sou homem de dar apoio para negociar cargos ou ficar chantageando prefeitos, nem do passado e nem do presente, sou sério, quando dei apoio ao prefeito a 2 (dois) anos atrás e conversamos por 30 minutos em nenhum momento tratei sobre a composição do seu governo no futuro, pedi ao prefeito que se esforçasse para fazer uma gestão a altura do povo de Santo Antônio, quero aqui falar em alto e bom som se o meu silêncio movido por motivos e por princípios que acredito está incomodando a oposição e aos aliado do prefeito, volto a reafirmar ele pode demitir qualquer um que entenda que foi indicado por mim”, ressaltou.
Encontro com o parlamentar e o ex- prefeito Euvaldo Rosa: O deputado Rogério Andrade afirmou que no domingo dia (09) houve um encontro do mesmo com o ex-prefeito Euvaldo Rosa (sem partido) na fazendo do empresário Luiz da Granja, e disse que foi uma honra recebe-la, o parlamentar disse não haver problema em se comunicar com ex-prefeito tendo em vista não ter nenhuma desavença pessoal com o mesmo, inclusive ressaltou que comunga das declarações dadas por Euvaldo Rosa no Voz da Bahia quanto essa relação. “Não temos nenhuma diferença de ordem pessoal, nós temos divergências políticas, até o momento, estamos em campo opostos no que se refere à política local e estadual e disse isso ao grupo político que eu pertenço que eu não tinha conversado com Euvaldo nem sequer por telefone e após o encontro com o gestor informei para algumas pessoas próximas ao prefeito, recebi Euvaldo com satisfação com prazer a final de contas ele governou a cidade por oito anos e é um profissional da saúde conceituado e que caminhamos por 10 anos juntos e deixamos marcas significativas de trabalho no município”, ressaltou.
Sobre o relacionamento atual com o prefeito e se há possibilidade de rompimento com o gestor: Quando questionado sobre sua posição política com a gestão atual, o mesmo declarou que continua trabalhando e participando  da gestão municipal e em nenhum momento foi tratado sobre rompimento com Humberto Leite. “Temos conversado, há de fato um mal estar nesse momento, mas temos dialogado e colocado os assuntos mais importantes que são os interesses da população santoantoniense, qualquer que seja as minhas decisões irei colocar os interesses do povo em primeira mão”, alegou.
Possível candidatura parlamentar para as eleições municipais de 2016: Andrade afirmou que a população local e seu grupo aliado tem conhecimento das suas pretensões políticas. “Tenho conversado com prefeito e com a população e dizendo o que passa pela ‘minha cabeça’ e nesse momento não tenho que ser pautado pela imprensa e nem com quem quer que seja, hoje estou preocupado em resolver os problemas da cidade, não hora que me sentir a vontade para tratar desse assunto irei tratar”, arguiu. Na oportunidade Andrade falou também sobre alguns projetos e trabalhos que atualmente estão sendo implementados na região a exemplo da obra que liga a Zona Rural do Bomfim a Varzedo para ampliação dos serviços agrícolas da comunidade.

11 agosto 2015

Sobre o termo quadrilha usado pelo gestor, vereador retruca: “o prefeito entende de quadrilha, não é ele quem organiza o São João de S. A. de Jesus?”


Protagonista das investigações sobre supostas irregularidades na administração do prefeito de Santo Antônio de Jesus, Humberto Soares Leite (PDT), o vereador e professor Uberdan Cardoso (PT) mais uma vez encena no embate contra a gestão municipal. Desta vez ao citar irregularidades no processo de aluguel da sede da Secretaria de Saúde, onde o inquerido imóvel possivelmente pertence ao sogro da então secretária e este por sua vez, segundo Uberdan, cobra um valor superfaturado de aluguel, usando o termo "mala preta". Sobre isso, Cardoso foi acusado pelo gestor de pertencer a uma quadrilha e que provará que as revelações são falsas ameaçando até de processar o edil por conta de suas denúncias.
Sobre o termo quadrilha usado pelo prefeito, vereador questiona: Em entrevista ao repórter Marcus, o vereador disse que as afirmações de Humberto são uma imprudência, “ele quer me chamar para o ringue. Infelizmente este é o prefeito que temos e que faz política com o fígado, quer baixar o nível”, rebateu. Uberdan como já afirmou em outras entrevistas, não pertence a conjunturas politicas e segue uma linha independente, mesmo que alguns do seu partido, o PT, hoje faça parte dos apoiadores da gestão ‘Leitista’. Mais uma vez o vereador declarou que desempenha com honradez o seu papel de legislador e ressaltou ainda que jamais bajulará o então gestor municipal para agradá-lo, “não sou paparicador, nem direi o que apenas o agrade. Meu papel é fiscalizar e assim farei quem não mostra pra ele as verdades são os bajuladores de plantão”, alegou. Acompanhando a repercussão da polêmica com calma, Uberdan comentou ainda a afirmação de Humberto contra ele ao usar o termo quadrilha, “o prefeito, de fato, entende muito bem de quadrilha, não é ele quem organiza o São João da cidade?”, questionou.
Denúncia contra Secretaria de Saúde: Laurijane Mercês, secretária de saúde e nora do suposto dono do imóvel da instituição, disse que não iria se manifestar diante do que apontou o edil para não dar ‘ibope’. A este respeito Uberdan contou que a secretária está comprometida e não pode falar muito para não se envolver mais, “ela está no direito dela, mesmo com respostas evasivas. Existe um requerimento que exige a convocação da sua presença aqui na Câmara para que venha a esclarecer alguns pontos de contratos e negativas de reuniões”, disse. Segundo o vereador, a questão do aluguel da Secretaria é apenas a ponta de um ‘iceberg’ de irregularidades envolvendo a prefeitura e a instituição de Saúde, “eles me apresentam documentos que não provam nada”, pontua.

'A senhora foi legitimamente eleita, mas eu também fui', diz Collor em reunião com Dilma


O ex-presidente Fernando Collor de Mello (PTB) não está nada satisfeito com o andamento da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, do qual é alvo. Atualmente senador pelo Alagoas, Collor renunciou ao mandato em 1992 para escapar do impeachment após grave crise política. Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, ele teria “aconselhado” a presidente Dilma Rousseff (PT), que agora sofre pressão para deixar o posto. “A senhora foi legitimamente eleita, mas eu também fui”, teria dito o petebista em reunião com a presidente antes do jantar no Palácio da Alvorada. Ele criticou, ainda, a “judicialização da política” e a “instabilidade das instituições”, que seriam fruto da condução das investigações sobre corrupção na Petrobras. Collor teve bens apreendidos pela PF em uma das fases da Lava Jato e chegou a xingar o procurador-geral da República ,Rodrigo Janot, na semana passada. Em conversas reservadas com outros senadores, o ex-presidente sugeriu que Dilma deveria consulta-lo sobre o processo de impeachment de 1992. (Folha de S. Paulo/BN)

Vereador de S. A. de Jesus diz que sempre apoiou Rogério Andrade e comenta boa atuação do parlamentar no município


Os comentários envolvendo a possibilidade de rompimento entre o deputado Estadual Rogério Andrade (PSD) e o Prefeito de Santo Antônio de Jesus Humberto Leite (PDT) estão cada vez mais frequentes, conquistando a análise da bancada de oposição e as dúvidas do prefeito que em suas palavras demostrou não ter tanta certeza se os dois irão caminhar juntos nas eleições de 2016, colocando o assunto à critério de definição do deputado. Essa situação tem causado divisão entre os grupos políticos visto que alguns vereadores já estão analisando em qual lado irão permanecer, chegando até mesmo a faltar em alguns eventos propostos pela administração municipal. O vereador Cristiano Sena (PT), em entrevista a Andaiá FM na última segunda-feira (10), por meio das palavras falou sobre sua relação de amizade com o deputado Rogério Andrade e comentou suas ausências nos acontecimentos que envolvem a Prefeitura Municipal. “Nós podemos participar das atividades do município quando temos tempo disponível para elas, pois temos nossas demandas. O prefeito pode vir conversar comigo sobre as ausências aos eventos sem nenhuma dificuldade. Quanto ao deputado Rogério, ele é meu amigo, sempre o apoiei, dei votos para ele por três vezes e vou apoiá-lo. Independentemente de questões políticas, é um grande parlamentar e não precisa provar nada para nosso município, pois suas ações já falam por ele e nosso mandato está sempre à sua disposição. Em caso de rompimento entre o parlamentar e o gestor, precisarei dialogar com o diretório sobre o rumo o qual o partido irá seguir no próximo pleito em Santo Antônio de Jesus”, declarou.

S. A. de Jesus: Vereador do PSD diz que em caso de rompimento entre Rogério e o prefeito vai para onde seu partido for


O vereador sargento Vinícius (PSD), componente do mesmo partido que o Deputado Estadual Rogério Andrade narrou em entrevista a rádio Andaiá FM uma possível divisão que está acontecendo na Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus e revelou qual posição adotará em caso de rompimento entre o administrador municipal Humberto Leite (PDT) e o parlamentar. Comentando sobre suas ausências nas solenidades avaliou como mais importante garantir ao Executivo a aprovação dos seus projetos encaminhados à Câmara e disse que o fato de não comparecer aos eventos não indica rompimento, mas admitiu se sentir excluído por não ‘ter o mesmo olhar da gestão que tem alguns vereadores da bancada’. “Alguns vereadores da bancada possuem mais privilégios e vantagens do que o grupo inteiro e essa diferenciação não deveria acontecer, pois todos estão lutando por um bem comum. Não conversei com o vereador Marcos Muniz, o Chispita (PSD) sobre o assunto, pois estamos de relações ‘cortadas’ devido a alguns fatos que aconteceram durante o recesso, mas também não adianta falar muito, pois parece que as informações ‘entram por um ouvido e saem pelo outro’. Em caso de rompimento, considero que sou do partido PSD então o que a filiação decidir, felizmente ou infelizmente terei de cumprir”, destacou. O sargento acrescentou que o clima de divisão e tensão por parte da bancada de situação na Casa Legislativa é notório, segundo ele não há uma coesão como aconteceu no processo de eleições da Câmara, por outro lado a diferenciação se faz constantemente presente na realidade atual. “O prefeito tem os seus ‘preferidos’ e o restante é deixado de lado. Os interesses pessoais falam mais alto do que a coletividade, isso é fato”, concluiu.

SAJ: Nas redes sociais, supostos seguidores do prefeito Humberto Leite chamam deputado Rogério Andrade de “traidor”.


As articulações políticas para candidato a prefeito de Santo Antônio de Jesus nas eleições de 2016 já estão se organizando. O comentário mais analisado com respeito à política do município diz respeito a um possível rompimento do deputado estadual Rogério Andrade (PSD) com o prefeito Humberto Leite (PDT) e tal hipótese torna-se cada vez mais próxima da comprovação pelo desenrolar dos assuntos. Primeiro, o vereador líder da bancada de situação, Francisco Damasceno, conhecido como Chico de Dega (PDT), relatou em entrevista que na política tudo existe e como ‘até bois podem voar’, o afastamento poderia acontecer. “Se o deputado achar que deve ser candidato, nós iremos aceitar, pois conforme disse o gestor ninguém é dono de ninguém, mas se porventura, o rompimento vier a ocorrer, será uma decepção muito grande para mim, Humberto que lhe deu 13 mil votos, nosso grupo político e o povo de Santo Antônio de Jesus, pois apostamos no nome do deputado Rogério e se este nome não respaldar nossa equipe política trará bastante decepção”, disse na ocasião. Até mesmo o próprio prefeito demostrou estar em dúvida quando nas entrevistas sempre deixa o assunto a critério de resposta do deputado. Alguns dos vereadores também informaram que a divisão entre os grupos políticos na Câmara é notória.
Nas redes sociais: Outra evidência, mais forte com respeito à separação se tornou manifesta na noite da última segunda-feira (10), mas dessa vez por meio das redes sociais, onde um suposto grupo ligado ao prefeito Humberto Leite vinculou um comentário no qual o Deputado Rogério Andrade foi taxado de ‘traidor’. Nas imagens é possível notar que uma pessoa declara no seu ‘post’ estar ‘se sentindo sarcástica’ e abaixo indica o motivo: ‘Vamos lá! Sinônimo de traidor... ’ Cerca de 10 minutos depois, um dos contatos comentou: ‘R.A. (colocando as iniciais de Rogério Andrade) = Telemar. Outras pessoas não ficaram caladas e manifestou apoio ao prefeito Humberto Leite: ‘Já avisei aos meus amigos de Saj: #TôcomHL’, ainda outro postou ‘Traidor 2 vezes’ e todos os diálogos apontam possivelmente para o parlamentar. O rompimento ainda não foi confirmado pelo deputado, mas tais comentários ligados ao grupo do atual gestor deixam a possibilidade de separação política dos dois praticamente confirmada.
  1. Redação e Foto: Voz da Bahia

30 julho 2015

Sem braços e pernas, homem faz publicação emocionante ao saber que será pai

O palestrante motivacional, Nicholas James Vujicic, que ficou famoso ao falar sobre a própria vida e as dificuldades de se viver sem os braços e as pernas, fez uma publicação emocionada no Facebook, nesta quarta-feira (29). A postagem comemorava a segunda gravidez da sua esposa Kanae. "Compartilhando com todos vocês a alegria da nossa família com a empolgação e antecipação da chegada de Dejan", escreveu Nick. Ele também postou diversas fotos da família durante um ensaio fotográfico na praia. O casal já tem outro filho que, assim como a mãe, possui todos os membros. Nicholas Vujicic é diretor de uma organização para pessoas com deficiências físicas e viaja todo o mundo com suas palestras de motivação.

29 Jul S. A. de Jesus: Sem infraestrutura adequada, moradores pedem melhorias na Rua da Alegria


Sem pavimentação e infraestrutura adequada, moradores da Rua da Alegria no bairro do Andaiá em Santo Antônio de Jesus entraram em contato com a Redação do Portal  para denunciar as péssimas condições em que a via se encontra. Segundo internauta a pavimentação é promessa antiga, no entanto o Carnê do IPTU vem todo ano com reajustes incabíveis, “todo o ano a cobrança é maior e somos obrigados a pagar. Se o IPTU é para beneficiar os moradores, então porque nossa Rua continua assim. Se chove ficamos ilhados e no lamaçal e se faz sol nossas casas ficam empoeiradas?”, reclamou o cidadão. O leitor arguiu ainda sobre a colocação de um poste de energia, que segundo declarou foi posto em local improprio impedindo a passagem de veículos, “até mesmo o poste, a Coelba colocou no lugar errado. Queremos a reorganização de nosso Bairro essa é a nossa reivindicação”, completou.

Cidadão denuncia condições precárias do transporte escolar na Zona Rural de S. A. de Jesus



“É assustador o descaso que o poder público tem com nossas crianças”, fala um internauta que entrou em contato com o Portal  para fazer uma denúncia contra o transporte escolar usado por alunos das localidades Rurais da Jueirana, Jogo da Bola e Casaca de Ferro em Santo Antônio de Jesus. Segundo informou, as péssimas condições de conservação do veículo põe em risco a vida das crianças, “a Van está completamente sucateada. Bancos soltos e a porta traseira está presa com uma corda além do assoalho que está completamente deteriorado”, denuncia.
Interior da Van acima 

29 julho 2015

Absudo: Pai manda filho roubar computadores da escola onde ele estuda


A Polícia Civil do Distrito Federal apreendeu quatro adolescentes, com idades entre 12 e 15 anos, suspeitos de furtarem quatro computadores do Centro de Ensino Fundamental 28, em Ceilândia (DF), na tarde desta segunda-feira (27). O pai de um dos garotos é suspeito de ser o mandante dos crimes. Os computadores, comprados pelo Ministério da Educação e avaliados no valor de R$ 2,5 mil, foram furtados uma semana antes das apreensões. Agentes da 19ª Delegacia de Polícia (Ceilândia) encontraram os equipamentos nas casas dos jovens suspeitos, que teriam confessado o crime aos policiais. Depois dos furtos, os adolescentes tentaram vender os computadores na Feira do Rolo de Ceilândia, chefiados por Cassiano Monteiro da Silva, conhecido como Galego e pai de um dos suspeitos. Ele tem cinco passagens anteriores pela polícia, uma delas por homicídio, cumpria prisão domiciliar, mas agora está foragido. O delegado-chefe da 19ª DP, Fernando Fernandes, pede a ajuda dos cidadãos através de denúncias anônimas para encontrar Galego e o restante dos equipamentos roubados que ainda não foram localizados pela polícia. Ele também pretende pedir à Justiça a suspensão do benefício de prisão domiciliar. " Nós comunicaremos ao juiz para que o benefício seja quebrado e ele volte para a prisão. Ele foi indiciado pelo crime de furto qualificado e corrupção de menores, cujas penas somadas vão de 3 a 12 anos de cadeia", completa. (Record)

Garoto de 14 anos que passou em federal de medicina dá palestras sobre Enem


Um adolescente de 15 anos tem utilizado suas horas de folga, antes do início das aulas, para ministrar palestras e cursos sobre o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). José Victor Menezes Teles fez a prova no ano passado e, com apenas 14 anos, conseguiu nota suficiente para ser calouro do curso de medicina da Universidade Federal de Sergipe. Com o tema "O meu desempenho para alcançar o sucesso", as palestras do sergipano José Victor são pagas, mas ele não revela quanto cobra por apresentação. "Na maioria das instituições, que foram particulares, fui orientado a estabelecer um preço em um tempo específico. Entretanto, nas instituições públicas, que fui convidado pelos meus pais e ex-professores, ministrei filantropicamente", contou ele em entrevista ao UOL. Além de municípios de Sergipe, o garoto já viajou para o interior do Espírito Santo e do Mato Grosso do Sul para realizar os aulões, nos quais além de resolver questões, também dá dicas de como estudar. Ele ainda pensa em escrever um livro sobre a sua trajetória de estudo até alcançar a vaga no curso de medicina. A repercussão do caso fez com o que José Victor mudasse até a postura com a qual se comportava em suas redes sociais. "Neste ambiente virtual que tendemos a nos portar informalmente, sou cobrado para o lado formal da língua, que, de qualquer maneira, não deixa de ser construtivo", afirmou. Segundo José Victor, as palestras devem ser realizadas até quando se iniciarem as aulas no curso de medicina, que ainda não tem data prevista devido à greve dos professores na universidade.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...