28 julho 2014

Após informe que menciona Dilma, responsáveis serão demitidos, diz presidente do Santander

Após a polêmica causada por um informe do banco Santander, veiculado nos extratos de clientes de alta renda, que apontava risco de deterioração da economia brasileira, caso a presidente Dilma Rousseff seja reeleita, a instituição financeira comunicou que os responsáveis pelo texto serão demitidos. A medida ainda não tem prazo para ocorrer, porque o Santander ainda apura internamente o caso. Segundo o presidente mundial da empresa, Emilio Botín, o informe não é do banco, mas de um analista.  Ainda segundo Botín, o dirigente da companhia no Brasil, Jesús Zebalza, prestou esclarecimentos sobre o caso à Dilma e a outras autoridades.

Funcionária da prefeitura de São Miguel das Matas morre em grave acidente na BA-540


Um grave acidente que ocorreu na tarde deste domingo (27), por volta das 17h, um na BA-540, trecho que liga a cidade de Amargosa a Mutuípe deixou um morto e dois feridos. Segundo informações da PRE (Polícia Rodoviária Estadual), o motorista do veículo Golf de placa não anotada, colidiu na lateral de outro carro modelo Uno, ao perder o controle da direção na localidade do Córrego. Devido ao forte impacto, Gerusa Cruz, 25 anos, residente na Rua do Onha em São Miguel das Matas sofreu ferimentos graves e morreu caminho do hospital. Já os condutores foram socorridos pelo SAMU e encaminhados para o Hospital de Amargosa onde seu estado de saúde não foi divulgado. O corpo de Gerusa foi removido para o DPT (Departamento de Polícia Técnica) de Santo Antônio de Jesus para ser necropsiado. A reportagem da Voz da Bahia foi informada que a vítima era funcionária da Prefeitura Municipal de São Miguel das Matas. O sepultamento acontecerá nesta segunda-feira em sua terra natal.

Nazaré das Farinhas: Geddel defende mais atenção ao sertão baiano

Durante um comício em Cansanção neste domingo (27) à tarde, após visitar o município de Nazaré das Farinhas com a chapa majoritária da oposição, o candidato peemedebista ao Senado da República, Geddel Vieira Lima, disse que junto com Paulo Souto (DEM), postulante a governador do Estado, vai mostrar ao PT como o sertão baiano deve ser tratado pelo governo: “com muita atenção e trabalho”, declarou, lembrando que o candidato Rui Costa já foi deputado com cinco mil votos na região, mas nada fez por ela.Paulo Souto também reafirmou seu compromisso com o sertão baiano. “Sei das dificuldades de quem vive no semiárido, vamos realizar um programa para o desenvolvimento da região com o novo Cabra Forte e a construção de novas barragens”, declarou o democrata. Em Nazaré das Farinhas, os companheiros da coligação “Unidos pela Bahia” criticaram o descaso do governo petista com a saúde na Bahia, a exemplo do fechamento do hospital filantrópico Gonçalves Martins, da Santa Casa de Misericórdia, principal reclamação das lideranças políticas e comunitárias que participaram do encontro no Cine-Teatro Rio Branco. A comitiva foi reforçada pelos deputados estaduais Sandro Régis e Elmar Nascimento, além do ex-prefeito Zezito e do candidato Luciano Simões Filho, entre outros correligionários e militantes da oposição. Amanhã (28) pela manhã, Geddel e Paulo Souto cumprem agenda no município de Gandú, onde serão homenageados no Clube da Maçonaria da cidade, às 9h30. (Política Livre/ Foto: Foto: Valter Pontes)

Vereador de S. Miguel das Matas pede na rede social pra prefeito Teté parar de mentir

Após polêmica onde o vereador Alair de Jesus Barreto, conhecido Lai Barreto (PSD) mandou o prefeito da cidade de São Miguel das Matas, Manoel Alves, mais conhecido como Teté, parar de mentir e trabalhar, em rede social. O repórter Joselito Fróes do Recôncavo FM entrevistou o edil para que o mesmo explicasse o motivo das críticas. De acordo com ele, por ser um vereador atuante, tem sido muito cobrado pela sociedade miguelense com relação à situação em que se encontra o município, visto que a saúde pública está em decadência, “sou cobrado constantemente por conta dos desmandos desse gestor. A saúde em São Miguel necessita de atenção. No posto médico, que é para atender ao povo, não tem médico. Sou representante desta sociedade e estarei lutando por melhorias sempre”, salientou. Lai destacou ainda que por diversas vezes o administrador municipal faz uso de emissoras locais para se vangloriar de benfeitorias realizadas na cidade, no entanto estas não passam de engodo de campanha, “ele fala que 90% das estradas foram beneficiadas, mas é mentira. As estradas estão em péssimo estado. Ele fez um trabalho pela metade, passou a máquina e não cascalhou”, revelou, complementando que por parte do governo federal, vários municípios baianos foram contemplados com maquinários para a infraestrutura e estes não estão sendo usados, porém a prefeitura continua pagando um valor absurdo em locação de máquinas enquanto há veículos e tratores disponíveis.
  1. Vereador critica prefeito nas redes sociais
Questionado sobre as provas das denuncias feitas, o vereador afirmou que existem documentos comprobatórios e que a situação é mais que visível, “meu pai sempre me ensinou, mato a cobra e mostro o pau, quando trabalho eu faço com a verdade”, rebateu. Ele explicou ainda que existe um veículo de uso da secretaria de saúde, com a finalidade de transportar pacientes em tratamento para outros municípios, só que o mesmo, desde o mês de novembro está parado em uma das garagens da prefeitura municipal, “este micro-ônibus não rodava, é de conhecimento público, o setor jurídico conhece bem o fato e está tomando as devidas providências. O prefeito tem que apresentar os documentos mostrando onde estão sendo gastas as verbas destinadas ao município. Se não está fazendo uso do veículo porque continua pagando? O povo de São Miguel é quem sabe de suas necessidades e ele continua mentindo dizendo que tudo está uma maravilha. Os postos de saúde estão todos sucateados e a população está sendo atendida em uma sala de aula, improvisada, sem estrutura. É uma vergonha, é indigno para nossa sociedade”, finalizou.

27 julho 2014

S. A. de Jesus: Asfalto sede e carro cai em buraco na Praça Padre Mateus


Um veículo caiu em um buraco após asfalto ceder na Praça Padre Mateus em Santo Antônio de Jesus. O flagrante foi registrado por um internauta que transitava pelo local. Segundo informações, os comerciantes locais assim como transeuntes que frequentam o centro da cidade já entraram em contato com a secretaria de infraestrutura do município mais até o momento nada foi feito, “vários carros já caíram nessa cratera, principalmente à noite quando não dá para identificar. Estamos pedindo providências aos órgãos competentes antes que algo maior possa acontecer”, relata o denunciante.

24 julho 2014

Adolescente indiano passa por cirurgia e retira 232 dentes

Um adolescente indiano foi submetido a uma cirurgia para retirar 232 dentes. De acordo com informação da agência Anadolu, o jovem de 17 anos foi levado ao hospital após se queixar de fortes dores na mandíbula. Ashik Gavai chegou à unidade de saúde com o rosto bastante inchado e, após passar por alguns exames, os médicos chegaram à conclusão de que o adolescente tinha pequenos dentes crescendo ao redor de um dos seus molares. "O molar inferior dele era do tamanho de uma bola de gude. Ao redor da base do dente, outros 232 pequenos dentes estavam começando a crescer e extraímos todos", disse o médico e chefe do departamento odontológico de Munbai, Sunanda Dhivare. O jovem foi diagnosticado com um tumor que aparece nos dentes chamado de odontoma composto. Nestes casos é comum que vários dentes rudimentares ou em miniaturas apareçam em uma matriz fibrosa frouxa. Ou seja, os “microdentes” crescem em torno de um dente saudável. (Correio)

Stº. Antº. de Jesus: Empreiteiro diz que prefeito quer conclusão da Praça do São Benedito antes do prazo

A Praça do São Benedito em Santo Antônio de Jesus está sendo reformada pela Prefeitura Municipal. Em entrevista a Recôncavo FM, o empreiteiro Edilson Ribeiro, conhecido popularmente como Careca informou que a obra está indo dentro da expectativa e está sendo conseguido cumprir o cronograma elaborado para a mesma. “Terá algumas modificações, repaginamos muitas coisas, como será criado a parte do estacionamento também, mas não se pode falar muito para que seja criada uma expectativa ao público”, disse. Segundo ele, a obra está programada para ser concluída dentro de 150 dias, mas está sendo trabalhado para conseguir entregar antes, por solicitação do prefeito e deputado Rogério Andrade. Edilson ressaltou que a única coisa que está sendo mantida na praça é o cruzeiro e tamarineiro, o restante será totalmente repaginado, pois está prejudicando o local, acrescentando que algumas árvores também serão retiradas. Sobre o material de ornamentação da cidade, ele informou que as bandeirolas foram retiradas e está sendo finalizada a parte do cabo de aço, pois, devido ao período da chuva, não foi possível tal ação na rede elétrica.

Ibope: Paulo Souto tem 42%, Lídice 11% e Rui Costa 8%

Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (23) mostra Paulo Souto (DEM) com 42% das intenções de voto para governador do estado da Bahia. Em seguida, aparecem Lídice da Mata (PSB) com 11%, Rui Costa (PT) com 8%, Da Luz (PRTB) com 2%, e Marcos Mendes (PSOL) e Renata Mallet (PSTU) empatados com 1%. A pesquisa foi encomendada pela TV Bahia.
Confira abaixo os números do Ibope, segundo a pesquisa estimulada, em que os nomes de todos os candidatos são apresentados ao eleitor: 
  1. Paulo Souto (DEM): 42%
  2. Lídice da Mata (PSB): 11%
  3. Rui Costa (PT): 8%
  4. Da Luz (PRTB): 2%
  5. Marcos Mendes (PSOL): 1%
  6. Renata Mallet (PSTU): 1%
  7. Brancos e nulos: 18%
  8. Indecisos: 17% 
A pesquisa foi realizada entre os dias 19 e 21 de julho. Foram entrevistados 1.008 eleitores em 59 municípios do estado. A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso quer dizer que o instituto tem 95% de certeza de que os resultados obtidos estão dentro da margem de erro. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o número 00006/2014, e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número 00237/2014. 
RejeiçãoA pesquisa aferiu a taxa de rejeição de cada um dos candidatos, isto é, aquele em quem o eleitor diz que não votará de jeito nenhum. Veja os números:
  1. Da Luz: 27%
  2. Lídice da Mata: 20%
  3. Paulo Souto: 18%
  4. Rui Costa: 18%
  5. Marcos Mendes: 13%
  6. Renata Mallet: 13%
  7. Não rejeitaram nenhum dos candidatos: 11%
  8. Não souberam ou não opinaram: 25%
Classficação do governo atual
A pesquisa Ibope também perguntou como o eleitor classifica a administração do governador Jaques Wagner. Veja os números:
  1. Ótima: 6%
  2. Boa: 23%
  3. Regular: 39%
  4. Ruim: 10%
  5. Péssima: 17%
  6. Não souberam ou não opinaram: 4% (G1)

19 julho 2014

Escolas e comércio tentam voltar à rotina após crimes em Amargosa

Aos poucos a população de Amargosa tenta voltar à rotina após após um tiroteio que desencadeou em revolta da população, fuga de presos e na morte de uma criança durante uma ação policial, na noite de quarta-feira (16). Nesta sexta-feira (18), a Secretaria de Educação da cidade informou que as escolas estão abertas desde as 7h para seguir o cronograma normal de aulas. "Nós só não podemos garantir a frequência normal dos alunos, mas as escolas irão funcionar normalmente", disse uma das funcionárias do órgão. No comércio, o clima também parece caminhar para a normalidade. Segundo João dos Reis, funcionário de uma das padarias do centro do município, as pessoas já voltam a ocupar as ruas. "Ainda tem aquele clima, com um pouco de tensão, mas hoje abrimos normal às 6h e as pessoas já estão comprando pão, indo para o trabalho cedo, como em dia normal", comentou. Segundo ele, apesar da abertura das escolas, poucos estudantes foram vistos no início da manhã desta sexta-feira pelas ruas da cidade. 

Prefeita de Amargosa fala em omissão e dispara: Governo tem responsabilidade

Após a noite de terror e caos instalado na cidade de Amargosa, no Recôncavo Baiano, a prefeita do município, Karina Silva (PSB), conversou com exclusividade com a reportagem do Bocão News, logo após a reunião que teve com o secretário de Segurança Pública do Estado da Bahia (SSP), Maurício Teles Barbosa. "Lamentavelmente, isso aconteceu. Precisou ocorrer um fato deste porte para que os olhos do Estado se voltassem para o município", desabafou a gestora, que afirmou ter feito as solicitações preventivas ao secretário. "Estas solicitações vêm sendo feitas desde o início da minha gestão. Era urgente o aumento de efetivo dos policiais diante dos assaltos a bancos que ficaram muito fortes em Amargosa", revelou Karina Silva. Segundo ela, há 60 dias houve uma guerra de tráfico na cidade. "Agora isso culminou. Era um fato pré-anunciado". Para a socialista, a população de quase 40 mil habitantes não tem como ser atendida pelo efeitvo atual. De acordo com a prefeita,  há apenas quatro policiais e uma viatura para atender toda a população. Com relação ao esquema de segurança que será mantido na cidade após o ocorrido, a prefeita pontuou que o reforço policial ficará até que a ordem se estabeleça no município. "Precisamos realmente de um esforço do Estado. A segurança pública tem deixado o país inteiro de uma forma complicada. A gente precisa de policiais. Hoje, temos este déficit e não podemos fazer segurança de qualquer jeito, como hoje é feita. Isso é inadimissível", criticou. Já sobre as solicitações feitas no passado ao Governo do Estado, Karina Silva disse que, desta vez, o secretário se comprometeu a atendê-las. "Não temos condições de ter uma zona rural sem viatura. A ideia hoje é ajudar a população, mas sozinhos não podemos fazer", disse.
Sobre o momento do caos, a prefeita contou que soube através da população que uma criança havia sido baleada. "Sei a mesma coisa que vocês. Que dois policiais perseguiam um rapaz que adentrou uma casa e uma criança foi atingida. Não sabemos ainda se o tiro partiu da arma do policial". Ainda de acordo com a gestora, assim que a manifestaçãso começou por conta da morte do bebê o reforço policial foi acionado. "Quando soube que havia atos de vandalismo entrei imediatamente em contato com a Secretaria de Segurança Pública do Estado da Bahia. Eles (os manifestantes) interditaram uma das principais vias de acesso ao município e aí tivemos diversos episódios de vandalismo", relatou, informando que 16 presos foram libertados.

Para ela, o mais importante agora é reestabelecer a delegacia. "Isso é urgente porque ela foi toda destruída e quebrada, além de terem ateado fogo. Precisamos agora de um espaço para que funcione como a delegacia. Paralelo a isso, fica todo efetivo de reforço até que tenhamos uma sensação de tranquilidade e o secretário garantiu a permanência dos policiais", frisou. Segundo Karina Silva, ficou prometido pelo secretário adiantar um pedido que foi feito ano passado. "Ele disse que deve providenciar o Complexo Policial. No ano passado estive com o secretário e ele me fez este anúncio e vínhamos cobrando insistetemente, porque a estrutura que temos aqui é precária. Ele disse que vai resolver apenas umas pendências e que as obras devem iniciar no final deste ano", afirmou. Quando questionada sobre de quem é a culpa, Karina tentou desconversar e não apontar o dedo, entretanto, mirou mais uma vez no Governo. "Não culpo ninguém, mas o governo tem responsabiliade porque tem acesso às informações e fazem o acompanhamento e monitoramento de tudo. A criminalidade aumentou muito em função da questão das drogas. Já fui à SSP diversas vezes e já tinha falado, já vínhamos sinalizando e nada foi feito. O Estado não voltou os olhos pra cá e de alguma forma foi omisso. Eu só sei que minha consciência está tranquila porque fizemos tudo o que poderíamos fazer", atestou.

"Ele estava cheio de droga, fora de si", diz pai de criança morta em Amargosa sobre policial

A cidade de Amargosa acorda hoje ainda sem saber como expressar a morte da pequena Maria Vitória Santos Souza, alvejada na cabeça na quarta-feira, dia em que completava 1 ano e um mês de vida, durante uma operação policial no bairro de Katyara. A revolta logo após o crime invadiu a madrugada e resultou na depredação de mais de 50 veículos, muitos deles incendiados. Além disso, a delegacia foi invadida, presos foram libertados e armas roubadas. A população também acabou tocando fogo do prédio. Ontem, mais de mil pessoas atravessaram a cidade para sepultar a criança, ora chorando, ora em silêncio e ora com palavras de protesto. “Ôôô, foi Carlos quem matou!”, acusava a multidão. Carlos é um dos seis policiais civis lotados na cidade, que fica no Centro-Sul da Bahia. No final da tarde de quarta-feira, ele, acompanhado de um policial militar identificado por populares apenas como Aurélio (que não estava fardado), desceu de um carro preto para uma abordagem na casa de nº 23 do trecho da BA-026 que passa pelo município.Segundo testemunhas, na porta da casa havia três homens que conversavam.“Ele (Carlos) parou o carro preto, meio que subiu na porta do carro e gritou, para mim: ‘perdeu, viado’ e deu um tiro”, contou o balconista Wellington Jesus Trindade, 22 anos. Esse primeiro tiro marcou a fachada da casa, que minutos depois teria mácula ainda maior. Wellington garante ser “pessoa de bem”, assim como os dois amigos que o acompanhavam. Diz não entender o que teria motivado o policial a atirar. Wellington conta que, após o primeiro tiro, ele entrou na casa e o policial veio atrás. 
Segundo familiares da vítima, mesmo dentro da casa, o policial continuou atirando, deflagrando ao menos três tiros. Um deles atingiu a testa da pequena Vitória, no colo do pai, sentado no sofá da sala. “O pai entrou em desespero, tentou segurar o policial, exigindo socorro à criança. Ele disse ‘que nada, desgraça’ e queria fugir”, conta a tia de Vitória, Letícia de Almeida Santos. 
Populares contam que, após a ação, tiveram que impedir o carro usado pelos policiais de sair, enquanto a mãe de Vitória, a dona de casa Adriele de Almeida Santos, entrou no veículo para que eles fossem para o Hospital Municipal. Com o rosto já completamente deformado, Vitória deixou a casa ainda respirando, segundo Letícia, passou pelo Hospital Municipal, foi levada a Santo Antônio de Jesus, cidade vizinha, mas já estava morta. “Levaram só por levar, ela morreu no caminho depois que saiu de casa, coitada, tão linda”, diz Letícia. 
Revolta
“Sabe o que foi isso? No hospital, ele (Carlos) chegou lá com o nariz todo branco, até o médico perguntou o que era. Ele estava cheio de droga e, fora de si, acabou fazendo isso aí com minha filhinha”, suspeita o pai da criança, o comerciante Luiz Carlos da Silva Souza, 23.Logo após o crime, o bairro de Katyara se uniu e fez uma série de barricadas assim que foi confirmada a morte da criança. 
Em nota, a Polícia Civil informou que um grupo formado por homens armados e encapuzados se infiltrou no protesto de familiares da criança e iniciou os atos de vandalismo. A primeira barricada foi na saída da cidade. Logo depois, ao menos 30 pessoas seguiram para a delegacia, que fica no bairro Urbis I. Primeiro, tocaram fogo nos carros e motos apreendidos, que estavam na frente da delegacia. 
O fogo se espalhou e invadiu o prédio. Na delegacia havia 16 presos custodiados, que foram soltos. “Eles não fugiram, a polícia soltou para que eles não morressem lá queimados”, conta a aposentada Raimunda da Cruz Gomes, 58, mãe de um dos detentos, preso há cinco meses por suspeita de roubo a um comércio e, agora, foragido. Ainda na delegacia, que foi revirada, armas e dois coletes à prova de balas foram levados. O delegado Moisés Damasceno não soube especificar o número de armas levadas, mas disse que, entre elas, estavam duas espingardas calibre 12 de policiais civis, que foram recuperadas. “A polícia chegou em minha casa, bateu nos meus netos, exigindo que eu devolvesse as armas que eu não tenho. Se meu filho aparecer, eu sou a primeira a fazer questão de entregar, mas não sei onde ele está”, diz Raimunda. 
Escrivã do fórum e moradora do bairro de Katyara, Cleude Santana, 52, explica: “Ninguém aqui é contra polícia, mas a gente também não quer uma polícia que é contra a gente. Tem criminosos na Katyara? Tem, assim como tem criminosos de toga, criminoso de farda e de distintivo. O que não pode é a polícia agir de forma violenta como age”. A revolta durou cerca de cinco horas, das 19h a 0h. No balanço, 40 motos que estavam apreendidas, 16 carros, um ônibus escolar e um caminhão foram queimados. 
Versão da polícia
Os nomes dos policiais militar e civil envolvidos na operação que acabou com a morte de Maria Vitória não foram divulgados nem confirmados pelas autoridades policiais. A polícia também apresentou uma versão diferente do que os moradores contam. 
Segundo o delegado Moisés Damasceno, diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), Wellington não era o alvo da operação. A meta seria um traficante de prenome Ricardo, conhecido como Rick.“Ele tinha mandado de prisão preventiva em aberto, participou de alguns homicídios na cidade no final de abril”, disse. 
Segundo o delegado, foi durante uma ação para prender um acusado de participar no roubo de uma moto, nas imediações do fórum da cidade, que o policial civil reconheceu Ricardo e deu voz de prisão. Ricardo fugiu e, finalmente, acabou entrando na casa onde a criança estava. Além disso, em depoimento na corregedoria, ontem à tarde, o policial negou que tenha atirado dentro da casa. 
Investigação
Segundo o secretário da Segurança Pública, Maurício Barbosa, nenhuma arma foi encontrada na casa da criança. Ele não quis comentar a versão dos policiais. “A verdade vai ter que aparecer, isso se for a verdade do que os policiais estão dizendo ou a verdade que as pessoas que testemunharam o fato venham a dizer. Temos argumentos de ambos os lados”, afirmou, ao sair de reunião, ontem à tarde, no fórum de Amargosa, junto com a prefeita, Karina Silva. Barbosa afirmou que aguarda resultado das perícias e depoimentos para se posicionar administrativamente. “Prefiro me manter isento até que a verdade chegue”, completou. (Correio

Não sei se Dilma tem condição de andar na rua, diz Aécio

Na primeira atividade de sua campanha de rua no Rio de Janeiro, o candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, disse hoje que a presidente Dilma Rousseff (PT) não tem condições de andar na rua e ter contato direto com o eleitor. “Está se iniciando uma nova etapa da campanha eleitoral, que é esse contato físico, olho no olho. O candidato tem de transmitir confiança para o eleitor. Vamos andar o Brasil inteiro, e minha companheira de viagem é a verdade. Não sei se a presidente da República tem hoje condição de andar o Brasil e olhar nos olhos daqueles que nela confiaram e se decepcionaram”, afirmou em entrevista o tucano, que fez uma caminhada no centro do município de Queimados, na Baixada Fluminense. Um exército de pelo menos 150 cabos eleitorais, contratados por R$ 30 para um dia de trabalho, segurava bandeiras com o nome de Aécio e do movimento “Aezão”, além da sigla do PMDB. Mas até os próprios contratados para trabalhar na campanha ainda têm dúvidas sobre candidatos e alianças. “Eu conheço o Pezão, mas nunca o vi pessoalmente. Quem eu conheço mesmo é o Max (Lemos, peemedebista prefeito de Queimados e cicerone de Aécio na cidade). Quando começar a propaganda na TV é que a gente vai conhecer melhor os candidatos”, afirmou a dona de casa Regina Pereira, mãe de quatro filhos. Contratada como cabo eleitoral, ela chegou às 15 horas à Praça dos Eucaliptos, ponto de encontro da caminhada. Ao ver Regina com a bandeira, uma amiga dela, Iara Barros, quis saber quando recebe um cabo eleitoral e como ser contratada para esse trabalho. “Ganhar algum dinheirinho para a eleição seria bom. Já vi o Aécio na TV”, disse Iara.(Foto: Agência Brasil)

Bruna Marquezine e Neymar assistem juntos ao último capítulo de 'Em Família'

O elenco da novela "Em Família", que tem seu último capítulo exibido na noite desta sexta-feira (18), está reunido em uma churrascaria da zona oeste do Rio de Janeiro para assistir às últimas cenas da novela de Manoel Carlos. Bruna Marquezine chegou acompanhada de Neymar à festa e diz estar com a sensação de dever cumprido. "A Luiza foi muito importante pra minha carreira, estou feliz e me sentindo realizada", revelou ao site do GShow. Todo estiloso, Neymar também comemorou o sucesso da namorada. "Eu estou muito feliz com ela, com o trabalho dela. Essa é uma chance de a gente ficar junto. Não tenho muita oportunidade de acompanhar tudo de perto e agora estamos conseguindo", contou o jogador, que ainda se recupera da contusão sofrida durante o jogo contra a Colômbia. "A recuperação está boa! Falta um pouquinho ainda, mas indo tudo bem!", revelou. (Correio)

Apple cria sistema que trava celular se usuário agir de forma 'estranha'

A Apple quer registrar uma tecnologia para bloquear o iPhone e outros aparelhos móveis se usuário se comportar de forma diferente do habitual. O pedido para patentear o sistema chamado de “Gerador de notificações baseado no comportamento do usuário” foi publicado nesta quinta-feira (17) pelo Escritório de Marcadas e Patentes dos Estados Unidos (Uspto, na sigla em inglês). O sistema acumula uma série de dados sobre a conduta usual do verdadeiro dono do aparelho. A partir daí, checa se a pessoa que está utilizando o celular se comporta desse jeito. Caso contrário, o celular emite uma notificação, trava ou pede que uma confirmação de identidade seja inserida. Para realizar o reconhecimento, são armazenadas formas de interação como localização, dados de movimento, de gestos e até o vocabulário utilizado em mensagens e as preferências de teclado. Como essas informações são guardadas na nuvem, o sistema monitora constantemente a atividade do usuário para bater com o que está registrado no histórico. A Apple deu entrada nessa patente em 17 de janeiro de 2013. De lá para cá, a companhia lançou um novo sistema operacional para dispositivos móveis, o iOS 7, e já anunciou seu sucessor, o iOS 8.

Dois dias após ataques, delegacia de Amargosa começa a ser reconstruída

A delegacia da cidade de Amargosa, destruída durante revolta da população, que iniciou depois que uma criança morreu a tiros durante ação policial, na última quarta-feira (16), já começou a ser reconstruída. Segundo a polícia, após os ataques realizados no município, o imóvel corre risco de desabar. De acordo com a assessoria da Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Conder), órgão responsável pelas obras, no momento está sendo feita a retirada dos entulhos. Os técnicos da Conder já estão no local para fazer a avaliação da estrutura do imóvel. Ainda segundo a assesoria do órgão, não há uma data definida para a entrega das obras. A Polícia Civil informou que dos 14 presos que foram libertados durante a revolta, oito já estão novamente sob custódia. A assessoria da instituição destaca que quatro foram recapturados e quatro se entregaram. Foi informado também que a Corregedoria deve permanecer mais uma semana em Amargosa, dando continuidade às investigações do caso. (Informações G1-Bahia)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...