11 agosto 2015

'A senhora foi legitimamente eleita, mas eu também fui', diz Collor em reunião com Dilma


O ex-presidente Fernando Collor de Mello (PTB) não está nada satisfeito com o andamento da Operação Lava Jato, da Polícia Federal, do qual é alvo. Atualmente senador pelo Alagoas, Collor renunciou ao mandato em 1992 para escapar do impeachment após grave crise política. Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, ele teria “aconselhado” a presidente Dilma Rousseff (PT), que agora sofre pressão para deixar o posto. “A senhora foi legitimamente eleita, mas eu também fui”, teria dito o petebista em reunião com a presidente antes do jantar no Palácio da Alvorada. Ele criticou, ainda, a “judicialização da política” e a “instabilidade das instituições”, que seriam fruto da condução das investigações sobre corrupção na Petrobras. Collor teve bens apreendidos pela PF em uma das fases da Lava Jato e chegou a xingar o procurador-geral da República ,Rodrigo Janot, na semana passada. Em conversas reservadas com outros senadores, o ex-presidente sugeriu que Dilma deveria consulta-lo sobre o processo de impeachment de 1992. (Folha de S. Paulo/BN)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...