19 fevereiro 2014

Diretor da Dires sobre prefeito de S. A. de Jesus: “Ele perguntou se eu queria comê-lo, eu disse que ‘Leite’ não se come se bebe”.


Falando sobre política, Dr. Everaldo Júnior, sem partido, foi entrevistado pela Andaiá FM, nesta quarta-feira (19). Na oportunidade, ele comentou sobre a possível aliança, que virá a surgir no almoço da próxima sexta-feira (21), entre o ex-prefeito Euvaldo Rosa (PSB) e o deputado estadual Alan Sanches (PSD). O político afirmou que torce para que esse apoio aconteça, porém destacou que tudo está sendo conversados diretamente com os dois grupos, alegando que não tem nenhuma interferência com relação a isso. Dando sua opinião, Dr. Everaldo salientou que é uma grande aquisição, já que se trata de um ex-gestor de dois mandatos, um líder nato, com capacidade de articulação diferenciada e um político completo. “Ele é médico, está o tempo todo presente, possui um legado na região, consegue ultrapassar os limites de Santo Antônio de Jesus, então é uma pessoa querida e tendemos que será uma grande conquista para o deputado Alan Sanches”, comentou. 
Administração Municipal: Com relação à administração pública municipal, Junior relatou que há de positivo os investimentos que estão sendo feitos através do Governo do Estado, como por exemplo, a questão do asfalto, saneamento básico e saúde, “é o governo do estado que mais tem participado e contribuído para o município, seja na gestão passada ou na atual. Isso é o que vemos de positivo, pois o governo tem contribuído e muito para que a cidade continue crescendo”, afirmou. Sobre a parte negativa da atual gestão, Ferreira destacou que a vontade do prefeito em acertar é grande, mas depende muito da sua equipe, que inclusive, passou por mudanças, mas ainda não se encontrou e tem desacertado e muito.  
Prefeito quer o perdão do PT de Santo Antônio de Jesus: Numa entrevista coletiva o prefeito Humberto Leite afirmou que ainda espera que o PT (Partido dos Trabalhadores) lhe peça perdão pelo rompimento da aliança e ainda disse que era de "veneta", pois quando colocava uma coisa em sua cabeça não tirava. A respeito desse comentário, Ferreira relatou que também já foi vítima dos comentários do gestor, quando ele disse num determinado momento, que queria "comê-lo pelas beiradas", e recebeu a resposta que "leite não se come, se bebe". Com relação à exigência de Leite, o diretor da 4ª Dires salientou que é uma coisa sem necessidade e que o PT não deve se retratar, pois não cometeu nenhum ato falho na gestão, pelo contrário, tem contribuído muito com administração, ajudando o município, tendo como prova o asfaltamento, entrega das ambulâncias de UTI, dentre outras ações. Segundo ele, a questão da "veneta" do gestor, começou desde quando ele começou mudando de deputado ao decorrer da sua campanha política, visto que apoiou Lúcio Viera Lima (PMDB), depois Marcelo Guimarães e por último Félix Júnior os dois do PDT. "Já conhecemos o perfil dele e já fomos vítimas. Desejamos que ele tenha maturidade e reconheça o quanto esse governo petista tem feito no município e região", finalizou.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...