21 setembro 2013

Sem autorização, agência usa foto de mulher em anúncio de HIV e é processada

Uma mulher processou uma agência de fotos após descobrir que a empresa usou a sua foto sem autorização para estampar um anúncio sobre direitos de pessoas que possuem o vírus HIV (Aids), veiculado no jornal AM New York. Avril Nolan, que não tem o vírus da Aids, pede US$ 450 mil (o equivalente a mais de R$ 990 mil) na Justiça, por ter o seu rosto estampado na propaganda da Divisão de Direitos Humanos do Estado de New York, ao lado da frase "eu sou soropositivo, eu tenho direitos". Segundo a moça, a foto foi tirada há alguns anos para o editorial de uma revista, mas nunca houve nenhum tipo de autorização para que a foto fosse usada para fins comerciais. 
Avril garante ainda que a irresponsabilidade da Getty Images está lhe trazendo prejuízos. Funcionária de uma empresa que trabalha com relações públicas, ela tem encontrado dificuldade de lidar com pessoas. "Me sinto envergonhada e humilhada. Fui forçada a confessar aos meus chefes que a imagem havia sido usada em um anúncio sobre HIV, em um jornal usado frequentemente por nossos clientes para a publicidade, distribuído para dezenas de milhares de nova-iorquinos todos os dias", desabafou. O advogado de Avril disse ainda, ao jornal The Post, que a sua cliente teme problemas futuros. "Ela ficou triste e apreensiva que seus parentes, potenciais parceiros românticos, clientes, chefes e supervisores possam ter visto o anúncio", disse.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...