01 dezembro 2012

André Baliera, estudante da USP espancado por ser gay, faz desabafo emocionado


André Baliera, de 27 anos, é estudante de Direito da USP e foi espancado após uma discussão quando voltava a pé para casa. Segundo testemunhas os dois homens Bruno Portieri, de 25 anos, e Diego de Souza, de 29 anos, o ofendiam por ele ser gay. André não ficou calado e revidou as provocações no mesmo tom de grosserias. Foi o suficiente para Bruno e Diego descerem do carro e começara a espancá-lo. Só pararam depois que a polícia militar chegou ao local.
 André Baliera, estudante da USP espancado por ser gay, faz desabafo emocionado
Vídeo
Os acusados se defendem dizendo que as agressões não foram motivadas por homofobia, como se isso fosse o suficiente para justificar ou amenizar o espancamento. André discorda e afirma que as provocações e ofensas foram sim direcionadas desde o início por conta da sua orientação sexual.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...