10 maio 2016

Sobre os funcionários fantasmas, vereador Uberdan dispara: “eu ficaria pasmo se fosse só na Cultura de S. A. de Jesus”

Após as declarações do ex-secretário de Cultura de Santo Antônio de Jesus, Dr. Everaldo Junior na manhã de ontem (09), onde ele afirma a existência de funcionários fantasmas na Secretaria de Cultura do Município, o vereador Uberdan Cardoso (PT), disse: “eu ficarei pasmo se fosse só na Cultura”. Segundo Cardoso, o prefeito Humberto Leite (DEM) está com seus bens indisponibilizados devido as suas possíveis improbidades determinadas pelo Tribunal de Justiça (TJ). Ele ainda acrescentou, “por outro lado temos um prefeito que é réu por um processo criminal no São João, acha isso pouco e questionou como é que eu sabia antes dele, o processo é público e quaisquer pessoas pode ter acesso. E agora vem o ex-secretário de Cultura do município e afirma que temos 30 funcionários na secretaria dos quais 20, ou não trabalham, ou são fantasmas ou estão locados em outras secretarias. Fui eu também que denunciei quando o prefeito resolveu fazer a tal da reforma administrativa que em todos os lugares do Brasil, quando se anunciava que a crise chegava e os municípios procuravam gerir com bom senso, com a razoabilidade mínima os recursos, inclusive, enxugando custos, o prefeito dizia que tinha dinheiro, e porque tinha dinheiro poderia gastar e, contratou enchendo-a de cargos comissionados com cabos eleitorais”, disparou. De acordo com ele, há muitos empregados na prefeitura, secretarias sem cadeiras para funcionários se sentarem, porque não há função para a quantidade de contratados, “é deprimente ver o município de Santo Antônio de Jesus administrada de forma tão amadora que nos entristece”, desabafou. Uberdan declarou ainda que mais processos virão contra a atual gestão, porque o que não falta é indícios de irregularidades.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...