17 abril 2015

Menina atira com metralhadora e diz que matou 400 militantes do Estado Islâmico

A Garotinha aparenta ter entre seis e sete anos. Com uma malha pink, calça jeans e tênis cor-de-rosa, a garotinha brinca sobre uma pedra. No lugar de uma boneca, ou uma bola, ela maneja uma metralhadora. No vídeo, a pequena menina curda conversa com o homem que filma. Ela conta que está “atirando no Daesh”, o nome árabe do Estado Islâmico, e começa a atirar. O vídeo não mostra se ela está alvejando alguma coisa, ou alguém. Em seguida, o “cameraman” pergunta quantos militantes do EI ela já matou. A pequena mostra quatro dedos da mão e se gaba, dizendo que executou 400 homens. Enquanto volta a atirar, é incentivada pelo homem que grita “Mata! Mata! Mata!”. Postado em janeiro deste ano, a filmagem ganhou só agora as redes sociais. O vídeo foi intitulado Young YPG Girl Shoots PK Machine Gun. A sigla denomina o People’s Protection Unit, grupo que está lutando contra o EI desde o ano passado. Mas enquanto o Estado Islâmico é conhecido por usar jovens recrutas durante as execuções, lutas e até mesmo como homens-bomba, os curdos são conhecidos por manter suas crianças fora dos campos de batalha. (Record)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...