10 fevereiro 2015

Uberdan Cardoso garante que continua na oposição ao prefeito de SAJ: "Fui colocado e me mantive dessa forma"

Os trabalhos da Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus serão retomados na próxima segunda-feira (16) e com eles as polêmicas, que já são de costumes, mas também haverão projetos para serem debatidos e aprovados. Em entrevista a Rádio Andaiá FM, o Vereador Uberdan Cardoso, afirmou que precisa se manter real ao que acredita, então mostra clareza do seu comportamento à população. “Fui eleito vereador em 2008 e o cenário era de 10 vereadores, eu fui colocado na oposição e me mantive dessa forma. Agora em 2012 o meu candidato a prefeito também não foi eleito e eu fui colocado na oposição novamente, embora o partido tenha decidido caminhar por um momento ao lado do prefeito Humberto Soares Leite”, destacou, acrescentando que continua sendo vereador independente de oposição e vota a favor daquilo que acha saudável e decente para a cidade, mas também é opositor veemente ao que acha um desabono, ilegal e imoral. O edil garantiu que respeita o prefeito Humberto Leite assim como a todos que representam a oposição, mas tem um lado e esse é o da oposição porque dessa forma a democracia prevalece e o povo fica sabendo o que há de desconcertante na administração municipal. Segundo o entrevistado, a forma como conduzia o mandato anterior não difere do atual, porém neste novo houve amadurecimento político e procura fazer tudo com coerência e serenidade. “Denunciei as farras da quentinha e consultoria e parou, aí vem outras séries de questões como contratação de bandas para tocar na zona rural, o apoio aos agentes de endemias e aos professores com relação ao piso salarial, dentre outras tantas demandas, assim como os barraqueiros, que tiveram suas barracas retiradas das praças da cidade”, salientou.
Saída de Marcos Có e chegada de Hélio da Saúde: A pedido do repórter, o vereador analisou a saída do ex-presidente do Legislativo, Marcos Có, que será o novo Secretário de Agricultura da gestão Humberto Leite e o empossamento do vereador Hélio da Saúde, que ocupou a vaga de suplente. Cardoso destacou que a Câmara tem uma comissão muito corporativa, onde há debate no campo das ideias e quando se entra nos corredores os diálogos são muito respeitosos, então às vezes os vereadores se digladiam fora e dentro não funciona assim. “Eu desejo boa sorte ao vereador Hélio Silva, tenho muito carinho por ele, é uma pessoa amiga, espero que ele faça um mandato direcionado àquilo que ele propôs em sua campanha e também desejo sorte a Marcos Có, que ele tenha muito sucesso, pois cada um sabe a dor e a alegria de ser o que é. Eu discordei da opção que ele tomou, mas isso jamais mudará o respeito que tenho por ele e quero que dê certo para ele”, comentou.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...