22 fevereiro 2015

Prevenção de quedas em idosos

As quedas são frutos de uma interação entre o estado de saúde do idoso e o ambiente.
Quanto mais saudável o idoso menor o risco de queda, logo o cuidado global com a saúde é muito importante, dando ênfase ao equilíbrio e a força muscular. Medidas para melhorar o equilíbrio ou seja diminuir a instabilidade postural acompanhada por estratégias para melhorar a força muscular (exercícios de musculação próprios para o idoso) tem um papel importante na prevenção destes acidentes.

Na avaliação da saúde global do idoso é necessário estarmos atentos ao “sintoma” queda, pois varias doenças podem iniciar ou chamar a atenção por uma queda (quadros infecciosos, parkinsonismo, hipotensão postural, distúrbios metabólicos, anemia, etc…..). Outro fator importante que pode precipitar quedas em pacientes idosos é o uso de medicações, particularmente quando existe polifarmácia (ou seja quando o paciente usa cinco ou mais medicamentos por dia) e de maneira especial para algumas classes de medicações (antidepressivos, ansiolíticos, anti-hipertensivos, etc………).
Na prevenção de quedas nos pacientes geriátricos o outro fator além da saúde global do indivíduo que estamos avaliando é o ambiente onde ele vive e desempenha suas atividades da vida diária ou seja precisamos tornar este ambiente “seguro” e com pouca probabilidade de precipitar uma queda.

Algumas dicas para tornarmos a casa do idoso um ambiente mais seguro:
1 – Evitar tapetes, caso use, priorizar os tapetes antiderrapantes.
2 – Evitar fios expostos e cruzando os locais onde o idoso caminha.
3 – Em caso de crianças e animais em casa o cuidado deve ser redobrado para evitar brinquedos espalhados pela chão assim como animais soltos e que facilitem o tropeço e consequentemente quedas.
4 – Evitar degraus e escadas, quando não tiver jeito usar corrimão e lixas nos degraus.
5 – As camas, sofás, cadeiras devem ter uma altura adequada ( não muita baixas nem muito altas ).
6 – Os banheiros devem ter barras de apoio, tapetes antiderrapantes, cadeira para auxiliar no banho, iluminação adequada, evitar uso de vidros nas divisórias do banheiro, a altura do vaso sanitário deve ser compatível, a fixação das pias devem serem adequadas, etc…
7 – O piso da casa deve ser antiderrapante e a iluminação deve ser adequada.
8 – Os sapatos e sandálias devem ter solado antiderrapante.
9 – Armários e guarda-roupas devem ter altura compatível com idoso para evitar movimentos que ponham em risco o equilíbrio.
10 – O trajeto para o banheiro e os demais trajetos da casa devem estar livres, etc, etc………

Dr. Euvaldo Rosa.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...