16 março 2014

Vereador culpa prefeitura de SAJ pelo não repasse do convênio para Santa Casa: “Esperamos que haja sensibilidade de Humberto”

O vereador e ex-presidente da Câmara de Santo Antônio de Jesus, Délcio Mascarenhas (PP), esteve na casa do diretor do Grupo CTO e coordenador da 4ª Dires, Everaldo Junior, para participar do almoço em comemoração ao novo empreendimento entre o CTO e a Santa Casa de Misericórdia. Em entrevista a rádio Recôncavo FM, Délcio afirmou que a entidade tinha seu serviço de ortopedia desativado e hoje ganha esse novo projeto, que amplia o seu funcionamento. “Saúde tem que ser prioridade em qualquer cidade, estado ou país”, disse. Questionado sobre as reclamações vindas dos funcionários e médicos da Santa Casa, com relação aos salários atrasados, o edil relatou que a época foi realizada uma sessão especial para discutir esse assunto, com representantes do município, depois houve um TAC (Termo de Ajuste e Conduta), que aconteceu com a ACESAJ (Associação Comercial), MP (Ministério Público) e Prefeitura Municipal, “é lamentável essa situação, mas esperamos que haja sensibilidade por parte da gestão municipal. Eu não me canso de cobrar da administração do prefeito Humberto Leite (PDT), o convênio que existia até o dia 31 de dezembro de 2012, quando o município repassava mensalmente R$ 40 mil que ajudaria no pagamento dos médicos. A gestão do ex-prefeito Euvaldo Rosa (PSB) assinou e, infelizmente, sem saber quais os motivos, esse convênio até hoje não foi pago, simplesmente o prefeito desistiu de pagar”, comentou. Mascarenhas destacou que a Santa Casa é uma instituição filantrópica com objetivo de atender, principalmente, os mais carentes do município de Santo Antônio de Jesus, então precisa de um cuidado maior. Conforme ele existia o compromisso de criar um convênio com um valor maior do que o antigo, mas até o presente momento não aconteceu, causando uma dificuldade muito grande para o funcionamento da instituição. “Não estou sabendo sobre os repasses do SUS, que são oriundos do Ministério da Saúde, porém tem um procedimento que é repassado para o município e esse passa para a Santa Casa. Queremos pedir a sensibilidade do prefeito Humberto Leite para entender que o município é meramente um repassador desse recurso que é do Sistema Único de Saúde. A prefeitura tem que acelerar esse processo para não haver interrupção dos serviços de saúde, principalmente da Maternidade da cidade”, destacou. 
Quais os candidatos a deputado do grupo? Falando sobre política, Délcio foi perguntado sobre o seu apoio para deputado estadual e federal nas próximas eleições, o mesmo destacou que faz parte de um grupo político, assim como outros vereadores da Câmara Municipal e todos são liderados pelo ex-prefeito Euvaldo Rosa, esse já está definindo os nomes para apoio. “Ficaremos com o deputado estadual Alan Sanches (PSD) e uma parte do grupo também votará em Kaká Leão (PP), mas o majoritário será Alan. Com relação a deputado federal, tem um compromisso com o João Leão, que foi o mais bem votado no município na última eleição, existem especulações dele participar da chapa majoritária como candidato a vice-governador, mas até o momento ele é nosso candidato. Vamos esperar os desfechos da política estadual, se precisar de outro posicionamento, o ex-prefeito Euvaldo terá a competência de definir um nome”, contou. 
Eleição da Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus? A respeito da eleição da Câmara Municipal, Délcio se conteve a não entrar em detalhes afirmando apenas que o presidente Marcos Có (PP) é a maior autoridade na Casa, então somente ele fará as conduções no momento oportuno, “tudo só será definido pelo presidente”, concluiu.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...