05 fevereiro 2014

Isidório promete processar Globo: ‘Cena de beijo gay é atentado ao pudor’

O deputado estadual Sargento Isidório (PSC) ameaça ir à Justiça contra a Rede Globo para buscar “reparação e respeito”. Em moção de repúdio lançada na Casa, ele classifica a primeira cena de beijo gay exibida no horário nobre da TV nacional, que foi ao ar no último capítulo de “Amor à Vida” na sexta-feira (31), como “atentado ao pudor”. Para ele, a exposição no período das 21h “foi inapropriada”. “Principalmente para ‘nossas’ crianças e adolescentes, que na sua maioria ainda estão acordadas”, protegeu. O parlamentar listou tentativas da emissora em “atentar contra os bons costumes”, a fim de “promiscuir” e assim “destruir” as famílias cristãs. “Insistentes cenas de sexo, beijos entre homossexuais, traições conjugais, homicídios, tentativas de homicídios, assédio moral, humilhação, dentre muitas outras, em suas novelas”, enumera. Isidório aproveita o embalo e também critica a exibição da cena de assédio moral contra a personagem Simone, vivida pela atriz Vera Zimmermann. Ele acusa a Globo de validar o comportamento abusivo e preconceituoso contra a mulher com a trama de ficção. Para finalizar o documento, o deputado ainda prevê que a produção sucessora de “Amor à Vida”, “Em Família”, que estreou na segunda-feira (3), também buscará “desconstruir” a “família tradicional”. (BN)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...