14 dezembro 2013

Passageiros reclamam de abandono no terminal rodoviário de Santo Antonio de Jesus

Muitos passageiros que passam pelo Terminal Rodoviário Antônio Carlos Magalhães na cidade de Santo Antônio de Jesus reclamam das condições de infraestrutura e da falta de manutenção e limpeza do local. Dentre as reclamações, as calçadas estão parcialmente quebradas e não há acessibilidade, sem falar no teto e na entrada do terminal. A Redação Do voz da Bahia esteve no local e entrevistou transuntes frequentadores e comerciantes local e constatou que em alguns pontos da rodoviária é possível ver vários sinais do descaso. O mototaxista Eudimar Bezerra disse que é um desrespeito com a sociedade. "Aqui parece que não tem governante. Moro há 20 anos na cidade e essa rodoviária sempre é a mesma e ninguém toma providência; vem ano e vai ano e não muda nada. Nós não temos um ponto de moto taxi. A gente fica na chuva e no sol", reclama Eudimar. O teto da rodoviária está gravemente avariado e em dias de chuva toda a área alaga “quando chove isso aqui alaga tudo, melhor trazer um bote para não se afogar, é uma vergonha” fala a dona de casa Mary Vilela. Comerciantes e passageiros também reclamam da insegurança que o local proporciona, apesar de estar localizado próximo ao 14º Batalhão da Policia Militar o local fica bastante ermo a noite fazendo um convite a marginalidade “muitos assaltos já ocorreram por aqui, principalmente a noite”, relata uma comerciante do local. O terminal rodoviário é de responsabilidade da Agerba, e não do município. É necessário uma grande reforma. As festas chegando e o fluxo de pessoas que frequentam o terminal rodoviário aumenta e são recepcionados pelo descaso.  
Quando chove é precoso usar baldes para conter as goteiras

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...