08 janeiro 2013

Homem tenta voltar para casa depois de 19 anos e se dá mal


Declarado morto depois de fugir da família e desaparecer, Igor Faber, de 47 anos, achou que poderia voltar para casa, que seria recebido de braços abertos. No entanto, a esposa, Renata, recusou seu retorno.
Faber desapareceu em 1993 durante uma caminhada nas montanhas de Tatra, na Eslováquia, para começar uma nova vida. Depois de meses de procura, equipes de resgate o deram como morto. “Ele estava achando difícil a vida em família e queria um recomeço, sem pensar na esposa e nos filhos”, contou um amigo da família ao Orange News.
Em dezembro, o homem foi encontrado vivendo em um abrigo em Praga, mas Renata se recusou a levá-lo para casa. “Como posso recebê-lo de volta depois de todo esse tempo? A vida mudou. As crianças têm um novo pai e eu um novo marido”, disse a mulher. “Claramente, ele não nos queria. Agora nós não o queremos.”
Fonte: POP

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...