29 novembro 2012

Engavetamento com ônibus e mais 5 veículos deixa carro 'em pé' no RJ


RIO - Um ônibus da Viação 1001 bateu em cinco carros (e não seis, como informado anteriormente) na manhã desta quinta-feira em Charitas. Os veículos atingidos estavam estacionados na Avenida Prefeito Sílvio Picanço (orla de Charitas), próximo à Rua Doutor Armando Lopes, quando o motorista do coletivo, que vinha no sentido Jurujuba, teria passado mal e jogou o ônibus para fora da pista, atingindo-os. Nenhum passageiro estava no coletivo, apenas o motorista e a cobradora. Ninguém ficou ferido no acidente.
Engavetamento com ônibus e mais  5 veículos deixa carro 'em pé' no RJ

Equipes dos bombeiros atenderam o motorista no local. Como os carros atingidos foram imprensados e jogados para o meio da pista, duas faixas da via estão ocupadas.
O fotógrafo Emílio Cesar de Oliveira Moreira, de 37 anos, passou pelo local logo após o acidente e se espantou:
— O cenário foi assustador. Muito pela posição do carro vermelho, que ficou numa posição de quase 90 graus. Ainda é incompreensível a posição dos carros atingidos — comentou o fotógrafo.
Marcelo Lintomen, que testemunhou a colisão, disse que o acidente foi inacreditável:
- Foi inacreditável o acidente. Muitos proprietários só se darão conta talvez na volta para casa - contou.
A publicitária Thais Marinho, moradora de Niterói, contou que o trânsito ficou complicado na região e, por isso, desceu do ônibus até se deparar com a colisão:
- Estava chegando a Charitas para pegar o catamarã, mas, como o trânsito estava todo parado, resolvi descer do ônibus e ir andando. Mais à frente, vi a cena do acidente, os carros amontoados. A princípio, pensei que teria alguém ferido. Depois é que percebi que os carros estavam estacionados. Fico pensando nos donos dos veículos que não devem estar sabendo o que aconteceu. Quando voltarem do trabalho, vão ter uma surpresa.
Rua no Largo da Batalha interditada após acidente em obra
A Rua Padre Pedro Marte Dole, no Largo da Batalha, em Itaipu, está interditada devido a um acidente em uma obra na Policlínica Municipal do Largo da Batalha. Um operário, ainda não identificado, morreu no acidente, que aconteceu por volta das 11h. O tráfego em todo o Largo da Batalha é intenso devido a curiosidade dos motoristas, que param no local do acidente, quase na esquina com o largo, para observar os destroços.
Fonte: O Globo

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...