23 novembro 2012

Embasa e Coelba negociam dívidas de clientes no feirão

Cerca de 3,5 mil pessoas visitaram o Feirão do Nome Limpo, no Centro de Convenções da Bahia, em seu primeiro dia de funcionamento. Os consumidores que forem ao evento terão a oportunidade de negociar não só com as lojas, mas também com empresas de serviços contínuos, como Embasa e Coelba. A Coelba espera atender 750 pessoas por dia até o final do evento, dobrando o número de atendimentos diários da empresa durante o período.
Embasa e Coelba negociam dívidas de clientes no feirão
A Embasa tem o foco da negociação nos clientes com dívidas superiores a 60 dias. "Vamos priorizar as pessoas com um problema maior", disse o supervisor de negativação e telecobrança, Sidney Teixeira. A Embasa vai estender a negociação até 30 de dezembro, em todos os pontos de atendimento da Bahia. A expectativa é de recuperar 22 mil clientes inadimplentes e resgatar R$ 2,5 milhões à vista e R$ 20 milhões futuros em negativações. Até o final do feirão, em 2 de dezembro, espera-se que  35 mil consumidores tenham dívidas negociadas.
Estandes - A iniciativa é organizada pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e pela Federação da Câmara de Dirigentes Lojistas da Bahia (FCDL-BA) e acontece pelo segundo ano. A data do evento coincide com o pagamento do 13º salário, que vai injetar R$ 5,5 bilhões na economia local. Nesta edição, o espaço agrega 11 estandes: GBarbosa, Leader, Ricardo Eletro, Casas Bahia, Serasa Experian, Avon, Procon, Faculdade Estácio de Sá, Insinuante, Coelba e Embasa. As lojas   promoveram redução de até 100% dos juros e multas, e descontos de até 50% no valor principal da dívida.(Atarde)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...